Projeto de Psicologia mobiliza campanha em prol de hospitais públicos

Projeto de Psicologia mobiliza campanha em prol de hospitais públicos

Projeto de extensão de Psicologia mobiliza campanha em prol de hospitais públicos

Em novembro do último semestre, 2017.2, alunos integrantes do projeto de extensão "Psicologia da Saúde", da DeVry | UniFanor, mobilizaram uma campanha em prol no Hospital Municipal de Maracanaú Dr. João Elísio de Holanda e do Hospital da Mulher, localizado em Fortaleza.

Após acompanharem de perto a rotina dos hospitais, os estudantes presenciaram a necessidade vidros para o armazenamento de leite materno, além de livros para a montagem de um espaço de leitura para mulheres alocadas no Canguru do Hospital da Mulher.
 
Ao todo, os alunos conseguiram cerca de 120 vidros e de 130 livros para a construção do espaço. Os números foram celebrados pelos profissionais dos hospitais. 

Mas as atividades do projeto não pararam por aí. Durante o semestre, os alunos participaram de uma série de ações voltadas para as boas práticas relacionadas ao bem-estar humano: oficinas de prevenção ao suicídio, capacitação sobre medicação aplicada à tisiologia, pesquisas sobre atenção aos profissionais atuantes nos hospitais etc.

Além da prática, os estudantes puderam produzir trabalhos científicos, resultantes também da observação da rotina dentro dos hospitais. Confira as produções:

  1. “Projeto Canguru: A Psicologia frente à angústia de permanecer e a ansiedade de voltar para casa”. Autoras: Daysiane Pereira, Mirlyane Andrade, Cristiane Paixão e Liliany Loureiro
  2. “A experiência de extensionistas na Clínica Cirúrgica do Hospital Municipal de Maracanaú Dr.João Elisio de Holanda”. Autores: Samia Figueiredo, Dayane Silva, Jefferson Candido e Liliany Loureiro
  3. “O brincar como recurso terapeutico em crianças hospitalizadas na pediatria do Hospital Municipal Dr.João Elísio de Holanda”. Autores: Samia Figueiredo, Dayane Silva, Jefferson Candido e Liliany Loureiro
  4. “As contribuições da Psicologia frente à ansiedade de pacientes com tuberculose.” Autoras: Kelly Cristine, Suellen Soares e Liliany Loureiro
  5. “O empoderamento e a subjetividade do sujeito portador de tuberculose no contexto de internação hospitalar.” Autoras: Kelly Cristine e Ana Vládia Holanda

Relacionadas

Ação promovida por alunos de RH é destaque na mídia
Projeto de extensão de Psicologia auxilia estudantes do ensino médio em Fortaleza