Amostra grátis de carreira: uma opção que pode dar certo

Amostra grátis de carreira: uma opção que pode dar certo

Carreira e empregabilidade

O comportamento das empresas tem mudado bastante nos últimos anos, muito devido às novas exigências por parte dos consumidores e a globalização do mercado. Hoje, vivemos em uma era em que muitas empresas estão adotando uma filosofia de "dar antes de receber". Como assim? Quem nunca utilizou o desconto de primeira viagem em aplicativos de transporte como Uber ou uma versão free de um sistema ou "teste premium gratuito", no caso do Spotify e LinkedIn, por exemplo? Essas são algumas amostras da filosofia "dar antes de receber", uma estratégia que muitas empresas têm utilizado para alcançar novos consumidores, permitindo que eles utilizem seu serviço de forma gratuita e, se gostarem, firmam-se como clientes. Diante disso, lanço um questionamento: o mesmo pode acontecer em nossas carreiras profissionais? Temos a possibilidade de dar uma amostra grátis de nosso trabalho como estratégia de recolocação profissional ou busca de uma promoção?

Você conhece a história da Nina Mufleh? Não? Apresento-lhe. Ela é uma imigrante do Oriente Médio radicada em São Francisco, que tinha como maior desejo de carreira trabalhar no Airbnb. Inicialmente, começou a busca pela entrada em sua empresa dos sonhos por meio das formas mais convencionais: currículo e LinkedIn, porém sem êxito. Contudo, ela não desistiu e investiu em uma estratégia diferente. Ela desenvolveu um site, no qual publicou suas informações pessoais, acadêmicas e, ao invés de utilizar um campo para descrever suas experiências profissionais, desenvolveu uma amostra grátis de seu trabalho: inseriu sugestões de como o Airbnb poderia aumentar sua fatia de mercado, utilizando uma estratégia de Marketing desenvolvida por ela, voltada para negócios no Oriente Médio. Após isso, Nina encaminhou, pelo twitter, um link de acesso de seu site para os CEOs do Airbnb, o que garantiu sua tão sonhada entrevista de emprego. Além dele, empresas como Uber, LinkedIn e Dropbox a procuraram para uma entrevista.

Quais têm sido suas estratégias de recolocação profissional? De que forma você pode disponibilizar uma amostra grátis do seu trabalho para aquela empresa que você deseja se inserir? Seja você um estudante, engenheiro, contador, profissional de RH, entre outros. E você que está inserido em uma empresa, quais amostras você tem dado para migrar para aquela área/cargo na qual tem o desejo de trabalhar?

Pedro Neto
Designer de Carreira | DeVry Fanor

Relacionadas

Autoconhecimento e preparação: mandando (muito) bem em uma entrevista de emprego
Confira orientações e dicas profissionais com nossos designers de carreira